terça-feira, 12 de Março de 2013

Jardim vertical



Se você gostou da ideia então que tal começar escolhendo os tipos de plantas e folhagens, para seu jardim, pois bem caso seu jardim pegue sol plantas como liriope, samambaia-do-amazonas, ripsales e russélia são ótimas dicas, caso seu jardim fique apenas na sombra as plantas mais indicadas são as diferentes barriga-de-sapo e samambaias variadas, se preferir você também pode usar diversas espécies de plantas diferentes.

Para fazer seu jardim a dica é usar tábuas de 40x40cm deixando um espaçamento de 10cm entre uma e outra, fixe-as na parede com parafusos, depois coloque placas de fibra de coco elas serão o “chão” de suas plantas, fixe-as com linhas ou barbantes, ou se preferir você também poderá usar vasos de cerâmica que devem ser presos por parafusos nas tábuas  Use sua Criatividade e solte sua imaginação para criar espaços aconchegantes e deixar sua residência ainda mais moderna.




Qualquer planta pode ser utilizada em um jardim vertical. Mas atenção: “Não compre uma planta só por gostar do design dela, mas sim aquela que vai funcionar no seu local. Conheça, veja se ela sobrevive no vento, no sol, na sombra... E observe se seu espaço proporciona isso”, avisa Gica. “Fique atento também ao tamanho das plantas, escolha as pequenas e médias, que se adaptarão melhor na vertical”, conta Ralph Lago, técnico agrícola da Esalflores.

Se seu ambiente é interno, com meia sobra, aposte em bromélias, lírio da paz, aspargo, asplênio, euonymus e avenca, sempre observando o tamanho compatível com o jardim. Para áreas externas, com mais sol, aposte em liríope, cinerária marítima, ixória, brinco de princesa, érica, heras, lágrima de cristo, aspargo, gerânio e flores de época.



São várias as formas de montar um jardim vertical. Para todas, você precisará de um especialista, pois é preciso chumbar a parede, impermeabilizar e criar o sistema de irrigação. Dá para fazer com blocos pré-moldados, sistema Green Wall Ceramic (peças de cerâmica que são fixadas na parede), treliças, fibras de coco, vasos e garrafas PETs. Nestes dois últimos, as raízes das plantas não se unem, sendo possível fazer sozinha.



Na hora de comprar a planta, consultar um profissional (paisagista ou técnico agrícola), para receber a orientação sobre a instalação, regas e podas. Independentemente desses cuidados, é importante que o substrato seja à base de turfa, pois essa matéria orgânica vai ajudar no desenvolvimento da planta, retendo mais humidade que um substrato convencional.



Falta de espaço não precisa ser motivo para você deixar de ter uma área verde em casa. O jardim vertical, montado na parede da varanda, da sala ou até mesmo da cozinha, pode ser uma alternativa para deixar a natureza entrar no seu espaço.



Podemos dizer que o sonho de toda mulher que tem casa, ou mesmo que mora em apartamento é ter um lindo lugar para morar com um lindo e grandioso jardim, porém muitas pensam que nem sempre isso é possível devido a pouco espaço, porém estão enganadas, é possível sim ter um local com área verde sem ter muito espaço, atualmente os jardins verticais estão fazendo o maior sucesso e diversos arquitetos e paisagistas já estão apostando neles.


Antes de começar a criar um jardim vertical, é importante que escolha o local mais adequado, tendo em conta o espaço, a iluminação e a humidade. Deverá ter também em atenção o tipo de plantação escolhida, bem como as suas necessidades.
O segundo passo será definir que tipo de jardim vertical pretende e qual a estrutura que irá utilizar. A estrutura metálica, fixada na parede, será o ponto de partida necessário para todos os casos, podendo ser comprada em qualquer loja de artigos para jardinagem. Poderá substituir a estrutura por alguns arames.


Ao aplicar a estrutura metálica na parede, deverá ter o cuidado de não a deixar totalmente encostada, já que é necessária alguma distância, para evitar o excesso de humidade e para permitir o fluxo de oxigénio.
Uma das técnicas mais utilizadas para fazer jardins verticais passa pelo recurso a diversas floreiras, que são afixadas na estrutura metálica e distribuídas ao longo da parede, de forma harmoniosa e equilibrada.
Estruturas com sistemas modulares, em plástico, com capacidade para várias plantas, ou mesmo blocos de cerâmicos, são algumas das opções que encontrará à sua disposição, em qualquer loja de bricolage e jardinagem.
Se preferir optar por plantas da família das trepadeiras, as estruturas cruzadas, em madeira e em formato retangular, serão a melhor opção.




Para fazer um jardim vertical barato, sem grandes gastos com material, a técnica das garrafas de plástico será a melhor opção, resultando numa parede original e bonita, decorada de forma altamente económica. Para recriar esta técnica, basta reunir algumas garrafas de refrigerante e cortar-lhes o centro, onde deverá colocar a planta. As garrafas deverão ficar suspensas por cordas verticais, junto à parede ou muro.
Após montada a estrutura, é hora de dar largas à sua criatividade, podendo dispor e decorar o jardim vertical a seu gosto, escolhendo flores ou outras plantas, de acordo com os seus gostos e características do espaço.



Ainda que possa utilizar qualquer tipo de planta, num jardim vertical é importante ter em conta as especificidades das mesmas, devendo dar preferência às plantas mais pequenas e que necessitam de menos espaço, mas também de menor quantidade de água e nutrientes. Opte pelas plantas de crescimento mais lento, para que seja mais fácil controlar e manter o aspeto pretendido.
Na hora de decidir o alojamento de cada planta, é importante que tenha em conta a disposição, de acordo com o crescimento e a necessidade de luz, para que a sombra das plantas superiores não prejudique o normal desenvolvimento das mais pequenas. Da mesma forma, poderá utilizar uma planta maior para proteger outra que não necessite de tanta luz.
É também recomendável que disponha, nos mesmos espaços, plantas com necessidades idênticas de rega, para evitar o risco de regar ou deixar secar demasiado.


O video que fala como fazer o seu jardim vertical: 
http://www.youtube.com/watch?v=U6zWlD5I16Q









Fonte das imagens:
http://www.mundodagabi.com/wp-content/uploads/2012/01/jardim-vertical..jpg
http://mdemulher.abril.com.br/imagem/casa/galeria/jardim-vertical-28898.jpg
http://leveesolta.com.br/2012/06/22/jardim-no-meu-ape/jardim-vertical-2/
http://www.mundodagabi.com/jardins-verticais-sua-casa-moderna-e-aconchegante/
http://mdemulher.abril.com.br/casa/reportagem/jardinagem/monte-jardim-vertical-sua-casa-693874.shtml
http://www.feminina.pt/como-fazer-um-jardim-vertical/

Fonte dos textos:
http://www.mundodagabi.com/jardins-verticais-sua-casa-moderna-e-aconchegante/
http://mdemulher.abril.com.br/casa/reportagem/jardinagem/monte-jardim-vertical-sua-casa-693874.shtml
http://www.mundodagabi.com/jardins-verticais-sua-casa-moderna-e-aconchegante/
http://www.feminina.pt/como-fazer-um-jardim-vertical/


Sem comentários:

Enviar um comentário